Abertura de credenciamento de prestadores de serviços na prefeitura da cidade da Lapa no Paraná, chama atenção da cidade.

Houve abertura de Edital de credenciamento (001/2018), onde será possível haver contratação de prestadores de serviços pela Prefeitura Municipal da Lapa. Quem for credenciar-se deverá ter MEI, ME ou EPP para poder se habilitar para contratação.

O foco do Edital é dar oportunidade aos profissionais de terem participação neste tipo de iniciativa da prefeitura. Há vagas de diversas áreas.

Os interessados devem acessar Lapa Atende.

Leia mais Abaixo:

TABELA DE PREÇOS

Confira a Tabela de Preços do Município:
1- Serviços de alvenaria: valor por dia trabalhado contemplando 8 (oito) horas diárias – R$130,00/dia.
2- Serviços de pintura: valor por m² pintura com tinta acrílica – R$8,00/m² e valor por m² pintura com tinta esmalte sintético – R$9,00/m².
3- Serviços de elétrica: valor por unidade de ponto – R$35,00/und. de ponto.
4- Serviços de hidráulica: valor por dia trabalhado contemplando 8 (oito) horas diárias – R$221,67/dia.
5- Serviços de carpintaria: valor por dia trabalhado contemplando 8 (oito) horas diárias – R$140,00/dia.
6- Serviços de marcenaria: valor por dia trabalhado contemplando 8 (oito) horas diárias – R$271,67/dia.
7- Serviços de serralheria: valor por dia trabalhado contemplando 8 (oito) horas diárias – R$283,33/dia.
8- Serviços de calceteiro: valor por m² – R$9,00/m².

Os preços cobrirão todos os custos dos serviços, abrangendo o fornecimento de mão de obra especializada, leis e encargos sociais decorrentes, ferramentas e equipamentos, transportes, veiculo, celular, hospedagens, passagens, fretes, remoção de móveis, máquinas ou equipamentos para execução dos serviços e seu reposicionamento no local, limpeza do ambiente e tudo o que for preciso para garantir a qualidade e funcionalidade dos serviços solicitados.

Tal contratação faz-se necessária tendo em vista:
a) A necessidade em manter em perfeito estado de funcionamento, com a realização de manutenções preventiva e corretiva dos serviços integrados às instalações prediais, instalações elétricas de baixa tensão, instalação hidrosanitária, sistemas de combate a incêndio, limpeza de caixa d’água e demais instalações físicas como pisos, forros, esquadrias, pintura, cobertura, alambrados, muros, alvenarias, revestimentos de paredes, fundações, recuperação e manutenção de pavimentação, em todas as dependências da Administração Municipal, logradouros e vias públicas (ruas, calçadas, meio fio etc.);
b) A indisponibilidade de mão-de-obra especializada integrante do quadro efetivo do município ou a pouca agilidade para mobilização dos mesmos, bem como pelo fato de se tratar de serviços esporádicos/eventuais que não justifica a realização de concurso para contratação de tais profissionais;
c) A contratação de serviços comuns de engenharia, de forma continuada, proporcionará a consolidação do gerenciamento dos serviços de manutenção predial, logradores e vias públicas necessários ao adequado funcionamento da Administração Municipal.

Esta contratação proporcionará à Administração Municipal um serviço eficiente, de forma que possíveis problemas relacionados às redes elétrica e hidráulica, além de pequenas obras civis entre outros, sejam evitados preventivamente ou resolvidos de uma forma célere, com consequente melhoria na satisfação dos usuários do sistema público e dos funcionários, melhor conservação dos imóveis, além de redução de custos, através do modo de credenciamento.